Autoconhecimento

Novo ano, vida nova! Será mesmo?

Todo ano é o mesmo ritual: Aquela esperança se renova, nos enchemos de coragem para começarmos um novo ano jurando que tudo será diferente. Traçamos metas que nos colocarão num lugar que tanto almejamos.

Janeiro acaba, fevereiro vem, chega o Carnaval ainda estamos animadas, mas vamos parar um pouquinho para curtir? “Depois do Carnaval, o ano começa de verdade e poderei fazer diferente”.

O feriado acaba e começamos a correria…Logo chega dezembro e ficamos com aquela impressão de que não cumprimos todas as metas que queríamos ter cumprido.

Você já viu esse filme? O ano novo é realmente maravilhoso, esse clima que nos envolve pode ser motivador para dar uma guinada muito boa em nossas vidas, mas só se permitirmos que isso aconteça.

O Carnaval então, incrível, você pode sim curtir, alias é necessário que dentro das suas tarefinhas do ano você inclua momentos de diversão.

Mas o que você tem feito realmente para VOCÊ mudar? Além das metas traçadas, você está disposta a mudar de atitude quando necessário? Está disposta a correr riscos, se aventurar no desconhecido?

Ou quer uma mudança, mas ao mesmo tempo, gosta da zona de conforto?

Também não tem nada errado permanecer nela, mas saiba que tudo é uma escolha. Você pode sim traçar suas metas, metas que tenham a ver realmente com você e pode principalmente realizá-las, mas nem sempre será tão fácil e muito menos seguirá conforme o planejado.

Nesse novo ano se desafie a principalmente ser alguém melhor para você mesmo, alguém que experimenta novas coisas, que toma decisões baseadas mais na sua própria intuição e menos no que os outros acham.

Sabe aquele clichê que precisamos ser diferentes para conseguirmos coisas diferentes? É real!

Caso você não tenha feito seu planejamento do ano ainda, aproveite que leu esse texto e repense seu propósito de vida e trace metas que estejam de acordo com quem você quer ser. E se você já traçou, reveja!

E sugiro a reflexão: No que eu posso melhorar ou ser diferente para alcançar o que eu quero?

Se permita ser alguém melhor, não para provar nada para ninguém, mas para mostrar a você o quanto você é capaz!

Beijos,

Dai e Lica 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *